O lado bom em saber quem não está ao seu lado

Eu ainda penso que, embora triste, há o lado bom em tudo isso. Eu prefiro saber exatamente quem diz amar e quem efetivamente ama. Prefiro saber quem estudou em universidade pública e que agora vota em candidato que defende que ela seja cobrada. Quem fez graduação, mestrado e doutorado e leciona em Universidades que foram criadas pelo PT e agora apoia candidato que diz que petistas serão expulsos do país.

Prefiro saber quem são os que têm filhos no Instituto Federal, criado pelo PT, onde sou professor, mas apoiam a ideia de ter EaD no ensino fundamental. Prefiro saber quem são os que concordam: que quilombolas não servem nem pra procriar, que gays devem ser eliminados, que pobres devem ser esterilizados, que mulheres devem ganhar menos.

Eu prefiro saber de toda a verdade que estava entalada em forma de ódio no íntimo daqueles que se dizem defensores da moral, dos bons costumes, da família. Eu prefiro mesmo não ter nem contato com eles…

Entre na discussão